segunda-feira, 2 de maio de 2016

Parte 1 - 50 Fatos Sobre Mim

 Depois de cinco meses por aqui acho que ainda conhecem muito pouco sobre mim por isso decidi trazer-vos 50 Fatos sobre mim, 25 de cada vez, para poderem ficar-me a conhecer melhor…

Sou extremamente esquisita no que toca a comida;
           
É verdade, desde pequenina que sou um castigo para comer porque não só como pouco como são mais as coisas que não gosto do que as que gosto.
Sonho viver em Londres mas não sei falar Inglês;
           
Não me perguntem o porquê mas desde criança que sonho mudar-me para Londres, no entanto durante três anos foram raras as aulas de inglês que tive por isso faltam-me as bases.
Gastava grande parte das minhas poupanças em concertos;
           
O facto de alguns dos meus ídolos serem portugueses em tempos levou-me a gastar todas as minhas poupanças para que os pudesse acompanhar em grande parte dos concertos e eventos.
São poucas as pessoas que sabem ou me tratam pelo meu nome verdadeiro;
 
           Depois de passar aquela horrível fase em que arranja alcunhas vergonhosas para mim, com a ajuda da minha prima arranjei uma espécie de ‘diminutivo’ o meu nome e a partir daí praticamente toda a gente começou a tratar-me e a conhecer-me só por Hellen.
Adoro fazer bolos mas na maioria das vezes acabo sempre por só comer uma fatia;
           
Sinceramente não sou muito habilidosa no que toca a cozinhar mas se há coisa que gosto de fazer é meter mãos na massa e fazer bolos até porque é para o que tenho mais jeito, mas normalmente só tenho tempo para comer uma fatia pois o meu irmão devora os meus bolos muito rapidamente.
Detesto beber água fresca, é como se não me matasse a cede;
            Provavelmente é algo que não faz muito sentido mas é a verdade …
Já pratiquei dança, futsal, natação e ginástica rítmica;
           
E depois de praticar tanta modalidade, agora ando feita uma preguiçosa.
 Fiz as provas para entrar em artes circenses no Chapitô, mas só consegui vaga no curso de Ofícios;
           
Como não consegui entrar em artes circenses decidi não ficar por lá, acho que depois me ‘arrependi’ mas se assim foi, é porque tinha de ser.
Não sei tocar nenhum instrumento embora tenha tido aulas de flauta e guitarra;
             
Inclusive o meu pappy fez-me a vontade e comprou-me uma guitarra e a verdade é que ainda tenho esperança que um dia mais tarde venha a aprender a tocar.
O meu irmão mais novo não só é muito mais alto como também parece muito mais velho que eu;
            Ou seja, levou mais adubo que eu portanto quem não sabe que ele é meu irmão e me vê a lado dele pensam sempre que é meu namorado.
Não consigo dormir de porta aberta e luz acesa;
             
O que é estranho porque em criança dormia com luz de presença e porta aberta…
Antigamente, quando ficava feliz ‘agredia’ as pessoas;
             Vá se lá perceber o porquê, mas por vezes a alegria era tanta que não cabia em mim.
Já tive uma tesoura espetada na cabeça;
             Foi um pequeno incidente escolar e de qualquer das formas acho que a colega que me espetou a tesoura na cabeça ainda ficou em pior estado que eu!
Nunca mudei de casa;
 
           Acreditem que era algo que gostava imenso até porque adoro ‘mudanças’.
A mãe do Angélico Vieira não só foi minha cabeleira como também me cortou a orelha;

            E olhem que eu estava quietinha mas acidentes acontecem e sinceramente não fiquei com nenhuma cicatriz pelo menos que eu veja.
Gravei um episódio para o ‘Clube de Fãs’ da TVI Ficção;
           
Nunca escondi de ninguém que o meu maior sonho era e é ser atriz portanto quando surgiu a oportunidade de gravar um episódio para este programa ao lado da Diana Monteiro nem pensei duas vezes.
 Nunca tive curiosidade em experimentar Tabaco;
             
Grande parte dos meus amigos e amigas fuma, tenho até familiares com o mesmo ‘vicio’ mas como sempre tive em mente que o meu avô paterno morreu devido ao tabaco nunca me surgiu curiosidade em experimentar.
Nunca apanhei uma bebedeira;
           
Quem me conhece sabe que adoro sair á noite no entanto não acho que seja preciso embebedar-me para me divertir até porque tal como sou esquisita no que toca a alimentação, sou também esquisita no que toca a bebidas!
 Era sonâmbula em criança;
 
            E não só era sonâmbula como falava e ainda falo, um dia a minha avó apanhou-me a ‘entrar’ para o frigorífico…
Não suporto o sabor e o cheiro a leite;
             
Não, não sou intolerante á lactose simplesmente desde criança que não gosto de leite sempre foi um castigo para que eu o bebesse.
Já quis pintar o meu cabelo de azul florescente;
             
No início da adolescência tive uns gostos um bocado peculiares para a altura, mas ainda hoje gosto de ver o cabelo desta cor em determinadas pessoas.
Tenho pedras nos rins desde os 15 anos;
             
Herdei as pedras nos rins da minha bisavó portanto não há nada que possa fazer até porque sempre fui pessoa de beber imensa água.
A viagem mais longa que fiz de carro foi da Alemanha para Portugal;
            Não sei onde fui arranjar coragem e paciência para tal mas não tinha outra opção, ou fazia a viagem de volta de carro ou então não ‘saía’ de Portugal!
Quando tinha dois anos tomei o calmante do meu pai;
            E tudo o que menos fiquei foi calma, aliás fiquei completamente elétrica tanto que no hospital tiveram de me amarrar á cama…
Adoro pão com sementes;
 
           Tenho que admitir que quando ‘descobri’ este pão achei-o horrível por causa das sementes mas assim que o provei fiquei completamente rendida.